domingo, 13 de Dezembro de 2009

IV Caminhada: Caminhada Serra Santa Justa à lupa

Bem amigos, desta vez o nosso relator ficou por casa, então calha-me a mim, a difícil tarefa de o substituir.

Desta feita, escolhemos para finalizar o ano 2009, a Serra de Santa Justa, uma caminhada mais pertinho de casa, para podermos desfrutar os ares da serra, avistando a cidade onde moramos. Então dia 13, "quase" à hora marcada, saímos da estação de Ermesinde, rumo ao Lugar da Azenha. O S. Pedro esteve do nosso lado, o sol deu lugar à chuva, mas o vento e o frio...manteve-se. Depois de uma breve palestra (agora tenho a certeza que não sou lá muito bom a discursar), lá iniciamos a nossa aventura, perto das 9:15 da manhã, mais uma vez "quase" à hora marcada.


Corredor ecológico

Iniciamos, percorrendo parte do corredor ecológico, onde avistamos um fojo, uma mina romana datada do século I. Sempre na companhia do rio Simão, continuamos até ao nosso primeiro grande desafio, um corta-fogo, um "pouco" inclinado, que mereceu reclamações de alguns participantes.


Corta-fogo

Já bem no cimo, algumas caras bem vermelhinhas se destacavam, e depois de recuperarmos o fôlego, seguimos viagem. A primeira prova estava superada. Mais adiante, uns bons metros, alguém disse: "onde está o meu saco?". O saco, este, estava lá bem em baixo no meio da "subidinha".


Cogumelo

Este (cogumelo) foi o principal responsável, pelo sucedido. (fica a beleza da foto, como moeda de troca, dos "metrinhos" que tive que andar para trás).

Descemos os dois e depois de recuperado o saco, juntamos-nos ao grupo, já no Fojo das Pombas.


Caminho até ao Fojo das Pombas

"Táxi, táxi...Oh negócio estragado", isso originou uma mudança de percurso. O guia (eu) enganou-se, voltamos a um ponto o qual já tínhamos passado. Um dejà vu. Em vez de chegarmos pela frente da Capela, chegamos pelas traseiras. Embora não tenha sido agradável passar pelo mesmo sítio 2 vezes, evitamos assim a estrada de paralelo.


Santa Justa

Chegados à Capela de Santa Justa, tempo para uma boa refeição, desta vez não houve leitão, mas em contra partida houve café. Não deixa de ser triste, prepararam o café com muito amor e carinho, carregaram, mas na capela existia um café...e estava aberto.


Almoço

Bem lá do cimo, depois da barriga cheia, podemos ver a a cidade do Porto, com o mar de fundo. Uma paisagem maravilhosa.


Vista da cidade do Porto

Começamos a descer a serra, passado para o lado de dentro da mesma, a vista da cidade, agora lugar à serra de Pias, e ao Rio Ferreira, rio este que seria a nossa meta.


Inicio da descida

Quando todos pensavam que já estaríamos a chegar ao fim...faltava o mais difícil. Uma descida que apelidaram de rampa de lançamento de parapente, mas quem mais brilhou foi a grande estrela "CAI CAI" que levantou voo...e aterrou suave, suavemente.


Foto do grupo


Caminhada sincronizada


A última descida

Depois de umas gargalhadas, e já na companhia do rio Ferreira, entramos no estradão que nos ia levar até a Aldeia de Couce. Antes ainda tivemos tempo para ver a Fraga do Diabo, e uma paragem "apressada" para um pequeno lanche, no tasco de Couce, ou melhor nas "ruínas" do tasco de Couce. Sim, porque só a mesa está "quase" intacta. Antes que alguns montassem a tenda, arrancamos, "obrigando" no bom sentido, a guardar a sandes na mochila. Continuamos, enquanto o sol desaparecia e dava origem a um final de tarde "fresquinho".


Hora do lanche (Tasco de Couce)


Rio Ferreira


Ponte de Couce

Uma visita à ponte de Couce, para mais uns clicks. Atravessamos a aldeia. Provavelmente fizeram arroz de pato, pois o famoso pato de Couce, o que "ferrava" mais que o cão (sei disso porque experimentei), não vimos qualquer pena.


Aldeia de Couce


Rua de Couce


Rio Ferreira

Já com umas "horinhas" a mais do que inicialmente previsto, chegamos ao fim.

Saudações Pedestres


  • Nome: Caminhada Serra Santa Justa
  • Local: Valongo
  • Partida/Chegada: Lugar da Azenha (Valongo)
  • Tipo: Circular
  • Distancia: 12 km
  • Grau: Moderado
  • Data: 2009.12.13
  • Participantes: Sérgio, Catarina, Francisco, Carla, Carlos, Nuno, Leonel, José, Tatiana, Goreti, José Ribeiro, Nadine, Rocha, Ricardo, Sónia Mouta, Pedro
  • Duração: 5:30
  • Organização: SolasRotas
  • Mapa:Aqui
  • Outras Informações: CM Valongo; Conhecer Valongo

5 comentários:

  1. Grande SOLAS
    A chuva deu-nos um pouco de paz, mas o frio soube bem substitui-la. Gostaria de agradecer aos novos elementos a sua presença, espero que vos tenha agradado a nossa caminha.

    Um abraço a todos os participantes

    ResponderEliminar
  2. Estão tão confuso! Foram todos dormir ou caminhar? Que grande caminha(da) tu tens.

    ResponderEliminar
  3. Olá a todos!

    A caminhada foi fantástica. Adorei. :) Os meus parabens pelo trilho escolhido. Não sabia que a Serra de Sta. Justa era assim tão bonita. Fiquei com curiosidade em relação à mina... :)

    Já estou à espera da próxima caminhada...

    Abraços a todos.

    ResponderEliminar
  4. Olá pessoal.

    Começei nas caminhadas recentemente e esta é a primeira em que realmente valeu mesmo a pena pelas paisagens que tinha. Realmente temos lindas paisagens aqui tão perto de nós.

    Fico a aguardar próxima caminhada.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Nadine só custa "arrancar", eu já vou na 5ª, custou mas agora vou a todas...
    Digam lá se não soube bem o cafezinho?? Mas da próxima vai mais quentinho.
    beijos para todos

    ResponderEliminar