segunda-feira, 6 de abril de 2015

À Margem da Extra: Rota Contrabando à Lupa

(Brevemente as fotos e mais informação)

Páscoa é tempo de retiro e reflexão, lá foram os Solas Rotas rumo a Montalegre, retirar-se na montanha, na rota do contrabando!?! E que retiro!

Chegados a Pitões das Júnias, há que fazer o reconhecimento, breve mas mais IVA, da aldeia. Estavam todos cheios de vontade, uns mais de atacar o nick pick do que propriamente caminhar, mas há que resistir pois o programa é para cumprir e primeiro está o reconhecimento da aldeia. Primeira paragem na padaria, ah pois!, ainda não tínhamos almoçado mas a janta já estava na mira….Rumo à bela cascata, paragem para a fotografia, sem dúvida um belo “PIF”… “PIF”???... perguntem ao Vitor! Da cascata ao Mosteiro não há nada que enganar, e ainda bem que alguns já conheciam, foi só andar à procura do caminho certo… O Mosteiro, uma bela surpresa bem resguardado junto ao rio. Alguns sinais de conservação, ainda bem, e com uns guardiões rastejantes à maneira.

Depois de um almoço de partilha a dar jus à nossa mascote, fomos “ali” à capela de S. João. Serra acima, monte abaixo, chegados à capela, a paisagem fala por si; indescritível! De regresso, já as bifanas chamavam pelo grupo, não tivemos amêndoas mas mais uma vez tivemos direito a IVA… não é que a ponte do ano passado para este saiu do sítio??? Um pouco de corta mato, o pôr-do-sol de um dia primaveril, e o cair da noite ainda em caminhada, mas em segurança, até à chegada à aldeia. Fantástico! E no timing perfeito, sempre a respeitar as regras da natureza - somos os Solas Rotas!

Ataque à bifana, com e sem maçarico, estavam uma delícia! Parabéns aos cozinheiros e à Vera que havia completado mais uma primavera. Em tempo de Páscoa, trouxe-nos um bolo de Natal para cantar os parabéns! Para terminar a noite, alguém se lembrou de aquecer a alma, e não só, com uma Queimada Galega. Para a maioria foi a primeira vez e as “idiotas” eram principiantes; importa o momento de partilha que ali vivemos e que com certeza vai ficar na memória de todos nós.

Um brinde aos Solas, hora de descanso que amanhã temos 11km + IVA claro, para trilhar por terras de Tourém.

Cristina e Andresa

Sem comentários:

Publicar um comentário