GRANDE ROTA: GR50 - PENEDA GERES (ETAPAS 14/15/16/17 (3km))

81ª Caminhada: Trilho do Vento à Lupa


Mantendo-se a tradição, a última caminhada de 2016 procedeu o Jantar de Natal dos Solas Rotas. Desta vez fomos até Fafe, onde percorremos o Trilho do Vento, um percurso temático sobre a energia eólica.

Alguns contratempos originaram um atraso em relação à hora prevista para início do percurso. Mas caminhar com os Solas Rotas é muito mais do que um passeio na montanha, pois a entreajuda é uma constante e tudo se faz para que ninguém fique para trás, e todos juntos cheguem ao fim, ainda que nem sempre seja possível.

O trilho inicia e termina junto da subestação de transformação de energia do parque eólico das terras altas de Fafe, lugar de Lagoa. Avançamos por estradão e fomos descendo em direção à Capela de Santo António, em Vilela. As marcas dos incêndios do verão passado eram bem visíveis, e apenas alguma vegetação  o conseguia disfarçar. Chegamos à Capela e optamos por almoçar logo, uma vez que o grupo estava disperso em virtude dos atrasos iniciais. Assim agrupou-se todos os participantes.
Seguimos caminho, pelas zonas mais baixas do percurso, em caminhos estreitos (foi necessário ceder passagem a um rebanho de ovelhas) com muita água e lama. Passamos também por uma mina de água e apesar das dificuldades, esta parte foi das mais belas do trilho.

Depois de uma subida com uma forte inclinação, chegamos à Capela da Nossa Senhora da Guia. Deste ponto é possível observar o monte da Senhora da Graça. Um pouco mais adiante estava o local mais aguardado: A Casa do Penedo. Infelizmente este local encontra-se vedado por ser propriedade privada, pelo que só foi possível observar a mesma a uma certa distância.

Uma queda neste local originou uma ferida a precisar de cuidado especial. Os Solas andam preparados para o curativo e foi a Carla a conduzir a “operação”. Passamos depois numa zona fechada do trilho, e iniciamos a última subida que nos levava até à estrada, no Confurco, com outro local de referência obrigatória, o cruzeiro e o Marco do Fidalgo Rodrigo, usado para delimitar terras.

No final da caminhada, oportunidade para dar as boas vindas a dois novos membros, e, da agora em diante, obter o carimbo do passaporte das caminhadas dos Solas Rotas.

Votos de Boas Festas e muitas caminhadas para 2017.

“O caminho de cada um é feito pelos próprios passos, mas a beleza da caminhada depende de quem vai connosco.”

Obrigado a todos os Solas que contribuem para a alegria, união e consciência deste grupo.
Vítor Vieira SR96
 

MAPATRILHOELEVAÇÃO
http://www.walkingportugal.com/z_distritos_portugal/Braga/Fafe/FAF_pr10_trilho_do_vento_folheto.pdf
PARTICIPANTES CONFIRMADOS FINAL (23 NOV / 21H)
Paula, Gaspar, Carla, Noémia, Vera, José, Alberto, Elsa, Paula, Fernando, Cármen, Pinheiro, Raquel, Mário S., Vítor, Ricardo, Nela, José, Mónica, Marlene, Eduardo, Isabel, Ângela, Carlos, Alexandrina, Luísa, Agostinha, Elisa, Manuel, Deolinda, Victor L.,  Manuel, Fátima, Inês, Felismina, Daniel, Miguel, Ana Paula, Francisco, Ana Sofia, Vanessa, António, Rocha, Agostinha, Victor, Sérgio, Helena, Carla, Mário A. Leonel
100 / 90 )
PARTIDALOCALGPSKMGRAUMAPA
2016.12.11
10:00
Parque Eólico das Terras Altas de Fafe41°30'28"N 8°05'29"W
41.507778, -8.091389
 14MédioLink
MAIS INFORMAÇÕES
Percurso: Trilho do Vento
Local: Lugar de Lagoa, Várzea Cova, Fafe
Partida/Chegada: Parque Eólico das Terras Altas de Fafe
Estacionamento: Sim
Rede Telemóvel: Sim
Âmbito: Paisagístico, Ambiental
Tipo: Circular
Sinalização: Média (falta sinalização)
Pontos Água: Aldeia
Exposição Vento/Solar: Alto
Almoço: Volante
Regras: Ler Aqui
Sugerido: Solas Rotas
Ponto Encontro: Parque Eólico das Terras Altas de Fafe
Pontos de Interesse: Parque Eólico das Terras Altas de Fafe, Aldeia de Vilela, Capela N. Sra da Guia, Casa do Penedo
Dicas: Água, Roupa adequada às condições atmosféricas; Botas; Bastão,
Reconhecimento: Sem reconhecimento
Outras informações: Câmara Municipal de Fafe, Walking Portugal
A Visitar: Lugar de Lagoa, Barragem da Queimadela

APONTAMENTOS: Trilho bastante queimado, e com falhas na marcação (recomendamos GPS); Casa do Penedo está vedada com uma cerca (propriedade privada), parte final está um pouco tapada pela vegetação (recomendamos cuidado)

Comentários

Enviar um comentário